• Min: 12 °C Max: 27 °C
  • Belo Horizonte, 16 de Abril de 2021 geoclima

Parque com processo contra Taylor Swift é processado por tocar músicas da cantora sem permissão

• 25/02/2021 •

foto

O parque nacional Evermore, localizado no estado de Utah, nos Estados Unidos, ficou conhecido no mês de janeiro por abrir um processo contra a cantora e compositora Taylor Swift por infração de marca registrada pelo fato de que a artista lançou um álbum chamado também “Evermore”. 

As acusações ainda estão acontecendo e, ao que tudo indica, o parque não conseguirá levar a o processo para frente. A novidade no caso é um contra-ataque que acaba de ser feito por parte da artista, segundo informações no site da revista Rolling Stone, quanto à infração de direitos autorais

De acordo com o site, a empresa que cuida dos direitos autorais da artista abriu o processo uma vez que o parque temático tem tocado, sem a devida licença, três músicas de Swift. 

O processo, a que a reportagem da RS teve acesso, indica que o parque Evermore já havia sido notificado diversas vezes desde 2018 por tocar as faixas “Love Story”, “You Belong With Me” e “Bad Blood” sem pagar as taxas de direitos autorais, mas ignorou todas as notificações.

* Vale lembrar que nos EUA, diferentemente do Brasil, não há um órgão específico responsável pela arrecadação e distribuição dos direitos autorais das músicas aos seus autores. No Brasil este serviço é prestado pelo Ecad (Escritório Central de Arrecadação e Distribuição)

VEJA TAMBÉM

15/04/2021

Elton John entra no pop de Rina Sawayama em versão de “Chosen Family”; confira

15/04/2021

Dia da Voz - Relembre 10 das maiores vozes em atividade no Brasil