• Min: 18 °C Max: 30 °C
  • Belo Horizonte, 21 de Janeiro de 2022 geoclima

Adolescentes de 13 anos recebem hoje a 2ª dose em BH

• 30/11/2021 • Painel Alvorada

foto
Foto: Reprodução

Adolescentes de 13 anos recebem hoje (30) em Belo Horizonte a segunda dose da vacina contra covid-19. Poderá ser imunizado quem completou pelo menos 21 dias desde a primeira aplicação. É necessário apresentar o cartão de vacina, documento de identidade e CPF. A Secretaria Municipal de Saúde ressalta que os pontos de vacinação são dinâmicos e passam por alterações diariamente por questões de logística. Por isso, é recomendável consultar os locais antes de se deslocar. Segundo a prefeitura, 83,6% da população da capital receberam ao menos uma dose do imunizante, enquanto 71,9% estão totalmente vacinados.

Redução de ocorrências

Média móvel de casos diários confirmados de covid-19 no Brasil foi de 9.164 nos últimos sete dias, de acordo com boletim divulgado ontem (29) pelo consórcio de veículos de imprensa. O número é 6% menor do que o registrado há duas semanas, o que indica queda nos diagnósticos. Em Minas, 97 ocorrências foram notificadas à Secretaria de Estado de Saúde nas últimas 24 horas. Dados do "vacinômetro" atualizado pela pasta apontam que 90,5% da população com 12 anos ou mais receberam a primeira dose, enquanto 75,9% completaram o esquema vacinal contra o coronavírus.

Brasileiros retidos

Duzentos e 30 brasileiros estão retidos na África do Sul após a descoberta da variante ômicron do coronavírus, informou ontem (29) o Ministério das Relações Exteriores. Eles estão impedidos de viajar devido ao fechamento das fronteiras com o Brasil, medida tomada para evitar a disseminação da nova cepa. O Itamaraty disse acompanhar "atentamente a situação" e que procura companhias aéreas que atuam na região para que seja possível encontrar rotas alternativas de embarque. Considerada preocupante pela OMS, a variante ômicron surgiu no sul da África em meados de novembro e já foi registrada em pelo menos 16 países. No Brasil, ainda não há nenhum caso confirmado.

Doação à África

Mais de 1 bilhão de doses de vacina contra covid-19 serão entregues para a África, anunciou ontem (29) o presidente da China, Xi Jiping. Desse total, 60% serão doadas e o restante deve ser produzido em conjunto por empresas do país asiático e nações afro. Até o momento, o governo chinês já forneceu cerca de 200 milhões de doses para os países africanos. Xi Jiping disse ainda que vai incentivar empresas a investirem pelo menos U$ 10 bilhões no continente nos próximos três anos. De acordo com a Aliança Africana para a Distribuição de Vacinas, o surgimento da variante tem relação com a lenta imunização no continente e com o acúmulo de doses em países desenvolvidos.

Tags: BH , Covid-19


COMPARTILHE ESTA MATÉRIA POR:

ESCRITO POR

ALVORADA FM

CONHEÇA A NOSSA PROGRAMAÇÃO

Ao longo de suas quatro décadas de história, a Alvorada FM busca o aperfeiçoamento contínuo para sempre garantir a qualidade e manter-se como sinônimo de modernidade e sofisticação.

VEJA TAMBÉM

20/01/2022

Enquete, Nova Versão

Três grupos estão convocados à vacinação nesta 6ª em BH

20/01/2022

Painel Alvorada

Conselho Municipal de Saúde pede proibição de eventos em BH para conter o avanço da covid-19

20/01/2022

Estadão Conteúdo

Covid-19 cresceu no Brasil no início de 2022, afirma Fiocruz

MAIS RECENTES

Anvisa autoriza aplicação da CoronaVac em crianças e adolescentes de 6 a 17 anos

Estudo do Centro de Sismologia da USP aponta causas dos tremores de terra em Divinópolis

Desconto para consumidores que pouparam energia em 2021 soma R$ 2,4 bilhões

Governo de Minas repassa recurso extraordinário do Fundeb a servidores da educação

VER MAIS NOTÍCIAS