• Min: 17 °C Max: 33 °C
  • Belo Horizonte, 27 de Setembro de 2020 geoclima

Corte em benefício de atingidos pela tragédia em Mariana é investigado pelo MPF

• 16/09/2019 • Painel Alvorada

foto
Foto: Victor Moriyama / Greenpeace.

Corte em benefício de atingidos pela tragédia em Mariana, na região Central de Minas, será investigado pelo Ministério Público Federal. Conforme informou na sexta-feira (13) o órgão, aproximadamente 140 pessoas foram comunicadas por telefone que deixarão de receber o benefício pela Fundação Renova, responsável por reparar os danos causados pelo rompimento da barragem de Fundão.

O auxílio emergencial mensal é uma das medidas pactuadas após o rompimento da barragem da Samarco em novembro de 2015, que deixou 19 pessoas mortas, além de destruir comunidades e causar poluição em dezenas de municípios na bacia do Rio Doce.

Conforme acordo judicial, todas as pessoas que tiveram as atividades econômicas interrompidas em decorrência do episódio, devem receber o benefício. O cancelamento não pode ocorrer antes que as atividades produtivas tenham se restabelecido. A Fundação Renova tem 10 dias para responder ao Ministério Público Federal.

Em nota, a Fundação esclareceu que essas pessoas terão o Auxílio Financeiro Emergencial cancelado em razão da inexistência de impacto direto, já que o benefício foi concedido de forma emergencial logo após o desastre, sem que fossem feitas análises conclusivas para verificação da elegibilidade de cada pessoa.

Tags: Barragens , Mariana , Samarco , Ministério Público Federal , Desastre Ambiental


COMPARTILHE ESTA MATÉRIA POR:

ESCRITO POR

ALVORADA FM

CONHEÇA A NOSSA PROGRAMAÇÃO

Ao longo de suas quatro décadas de história, a Alvorada FM busca o aperfeiçoamento contínuo para sempre garantir a qualidade e manter-se como sinônimo de modernidade e sofisticação.

VEJA TAMBÉM

09/09/2020

Enquete, Nova Versão

Ministério Público investiga desvios de R$ 151 milhões no Sistema S do Rio de Janeiro em nova fase da Operação Lava Jato

09/09/2020

Painel Alvorada

Segmento de corpo é encontrado nos rejeitos em Brumadinho

09/09/2020

Painel Alvorada

Governo anuncia investimento de R$ 416 mi na Bacia do Rio Doce para reparação de danos causados pelo rompimento de barragem em Mariana

MAIS RECENTES

TRF-1 derruba liminar e mantém trabalho presencial de médicos peritos

Prefeitura de BH publica decreto que proíbe retorno das aulas presenciais em escolas e faculdades da capital

Bolsonaro bate recorde de popularidade desde o início do mandato, diz pesquisa Ibope

Minas se aproxima de 7 mil mortes por Covid-19

VER MAIS NOTÍCIAS