• Min: 17 °C Max: 33 °C
  • Belo Horizonte, 27 de Setembro de 2020 geoclima

CSN recua e aceita retomar discussões de segurança sobre barragem em Congonhas

• 28/03/2019 • Notícias

foto
Foto: Reprodução

Após se recusar a aceitar recomendações do Ministério Público, a CSN, Companhia Siderúrgica Nacional, voltou atrás e pediu ontem (27) a retomada das negociações. O órgão tinha solicitado, entre outras medidas, a retirada de cerca de 2,5 mil moradores que vivem perto da barragem Casa de Pedra, em Congonhas, na região Central do estado. As determinações se devem ao risco de rompimento da estrutura e deveriam ter sido adotadas até esta terça-feira (26). O órgão ameaçou entrar na justiça após a recusa, mas a mineradora disse que está aberta a possibilidade de adotar essa e outras medidas. Uma nova reunião entre o Ministério Público e a CSN será marcada até amanhã (29).

Tags: Barragens , CSN , Congonhas


COMPARTILHE ESTA MATÉRIA POR:

ESCRITO POR

ALVORADA FM

CONHEÇA A NOSSA PROGRAMAÇÃO

Ao longo de suas quatro décadas de história, a Alvorada FM busca o aperfeiçoamento contínuo para sempre garantir a qualidade e manter-se como sinônimo de modernidade e sofisticação.

VEJA TAMBÉM

31/08/2020

Enquete, Nova Versão

Segmento de corpo é encontrado nos rejeitos em Brumadinho

31/08/2020

Painel Alvorada

Governo anuncia investimento de R$ 416 mi na Bacia do Rio Doce para reparação de danos causados pelo rompimento de barragem em Mariana

31/08/2020

Painel Alvorada

Número de barragens em Minas em nível de alerta sobe para 42

MAIS RECENTES

TRF-1 derruba liminar e mantém trabalho presencial de médicos peritos

Prefeitura de BH publica decreto que proíbe retorno das aulas presenciais em escolas e faculdades da capital

Bolsonaro bate recorde de popularidade desde o início do mandato, diz pesquisa Ibope

Minas se aproxima de 7 mil mortes por Covid-19

VER MAIS NOTÍCIAS