• Min: 17 °C Max: 31 °C
  • Belo Horizonte, 26 de Janeiro de 2021 geoclima

CSN se recusa a retirar moradores de área de risco de barragem em Congonhas

• 27/03/2019 • Notícias

foto
Foto: Google Maps

A CSN, Companhia Siderúrgica Nacional, se recusou a cumprir uma recomendação do Ministério Público de Minas relativa à retirada de uma creche e de uma escola municipal que funcionam na área de risco de rompimento da barragem Casa de Pedra, em Congonhas, na região Central do estado. De acordo com o órgão, o prazo para cumprimento da medida terminou ontem (26), mesma data em que a mineradora deveria ter apresentado um plano para a remoção de 2,5 mil pessoas que vivem no entorno da barragem. Devido ao descumprimento das determinações, o MP vai acionar a Justiça contra a CSN para garantir os direitos da população local. A Companhia informou que não vai se pronunciar sobre o assunto.

Tags: Barragens , CSN , Congonhas


COMPARTILHE ESTA MATÉRIA POR:

ESCRITO POR

ALVORADA FM

CONHEÇA A NOSSA PROGRAMAÇÃO

Ao longo de suas quatro décadas de história, a Alvorada FM busca o aperfeiçoamento contínuo para sempre garantir a qualidade e manter-se como sinônimo de modernidade e sofisticação.

VEJA TAMBÉM

25/11/2020

Enquete, Nova Versão

Moradores de Nova Lima e Raposos vão participar de testes das sirenes de barragens da Vale

25/11/2020

Painel Alvorada

Justiça determina retomada das medidas de segurança em barragens da Vale

25/11/2020

Painel Alvorada

Buscas em Brumadinho são alteradas devido à identificação de trincas em barragem da Vale

MAIS RECENTES

STF autoriza abertura de inquérito para apurar atuação de Pazuello em crise no Amazonas

Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 2 milhões

Atlético enfrenta o Santos em partida decisiva pelo Campeonato Brasileiro

Otimismo com chegada de vacinas deve favorecer retomada de discussões sobre reforma tributária

VER MAIS NOTÍCIAS