• 22ºC
  • Belo Horizonte, 13 de Novembro de 2019 geoclima

CLIQUE E COMPARTILHE

status

TINA TURNER

I don't wanna lose you

  • VAI TOCAR
  • -
  • -
play ouça agora

BIOGRAFIA DO ARTISTA

Decreto que proibia venda de alimentos muito calóricos em escolas de MG é suspenso

• 25/06/2019 • Repórter Alvorada

foto
Foto: Reprodução

Prazo para que escolas públicas e particulares de Minas Gerais se adequem às novas regras relativas à venda de alimentos saudáveis foi prorrogado por 8 meses. O prazo final para as mudanças serem implantadas era ontem (24), mas foi modificado em decreto publicado hoje (25) no Diário Oficial do Estado. O motivo do adiamento é a realização de análises e estudos sobre aspectos econômicos e sociais relativos à promoção da saúde dos alunos e a prevenção da obesidade infantil. De acordo com a norma, que agora entrará em vigor em fevereiro de 2020, fica proibida a venda de alimentos com alto teor de calorias, excesso de sal, gorduras saturadas ou trans, açúcar livre ou aqueles com poucos nutrientes.

Tags: Governo de Minas , Minas , Romeu Zema


COMPARTILHE ESTA MATÉRIA POR:

ESCRITO POR

ALVORADA FM

CONHEÇA A NOSSA PROGRAMAÇÃO

Ao longo de suas quatro décadas de história, a Alvorada FM busca o aperfeiçoamento contínuo para sempre garantir a qualidade e manter-se como sinônimo de modernidade e sofisticação.

VEJA TAMBÉM

13/11/2019

Enquete, Nova Versão

MP pede arquivamento de denúncia de estupro contra monitor de educação física do Colégio Magnum

13/11/2019

Painel Alvorada

Pagamento do 13º do funcionalismo público mineiro pode ficar para 2020

13/11/2019

Repórter Alvorada

Hemominas pede doação de sangue O Negativo

MAIS RECENTES

Começa o período de inscrições para a escola integral em BH

Manchas de óleo atingem mais de 500 locais no Nordeste e Sudeste

Cruzeiro vai exercer o direito de compra pelo lateral-direito Orejuela junto ao Ajax

Homem morre em explosão em fábrica de pólvora em Santo Antônio do Monte

VER MAIS NOTÍCIAS