• 22ºC
  • Belo Horizonte, 15 de Dezembro de 2019 geoclima

CLIQUE E COMPARTILHE

status

TINA TURNER

I don't wanna lose you

  • VAI TOCAR
  • -
  • -
play ouça agora

BIOGRAFIA DO ARTISTA

Destaques da reforma da Previdência é concluída no Senado

• 03/10/2019 • Painel Alvorada

foto
Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

Votação dos destaques da reforma da Previdência foi concluída nesta quarta-feira (2) no Senado. O texto foi aprovado em primeiro turno e o trecho com restrições ao pagamento de abono salarial foi retirado do projeto. Os parlamentares decidiram que o benefício deve continuar sendo pago a quem recebe até dois salários mínimos.

A votação em segundo turno da proposta deve começar na próxima quinta-feira. Ainda na quarta, o presidente Jair Bolsonaro, disse que a reforma da Previdência é necessária para a retomada de investimentos e equilíbrio das contas públicas.

Segundo ele, o país “quebra” em dois anos caso o projeto não seja aprovado. Bolsonaro não comentou o destaque aprovado pelo Senado que reduziu de R$ 876,8 bilhões a economia estimada com a medida em 10 anos.

Tags: Governo Bolsonaro , Reforma da Previdência , Senado , Trabalhadores , Governo Federal


COMPARTILHE ESTA MATÉRIA POR:

ESCRITO POR

ALVORADA FM

CONHEÇA A NOSSA PROGRAMAÇÃO

Ao longo de suas quatro décadas de história, a Alvorada FM busca o aperfeiçoamento contínuo para sempre garantir a qualidade e manter-se como sinônimo de modernidade e sofisticação.

VEJA TAMBÉM

13/12/2019

Enquete, Nova Versão

Nomeação do presidente da Fundação Palmares continua suspensa

13/12/2019

Linha Direta com Brasília

Senadores e deputados articulam sobre o valor do fundo eleitoral.

13/12/2019

Painel Alvorada

Senado aprova versão de pacote anticrime

MAIS RECENTES

Congresso aprova emenda que muda relação entre poderes

Novos saques do FGTS beneficiarão mais de 10 milhões de brasileiros

Ricardo Galvão, ex-diretor do Inpe, é escolhido como um dos 10 principais cientistas do mundo pela revista “Nature”

Áreas sob alerta de desmatamento na Amazônia crescem 78% em relação ao ano passado

VER MAIS NOTÍCIAS