• 27ºC
  • Belo Horizonte, 05 de Dezembro de 2019 geoclima

CLIQUE E COMPARTILHE

status

TINA TURNER

I don't wanna lose you

  • VAI TOCAR
  • -
  • -
play ouça agora

BIOGRAFIA DO ARTISTA

Detonação de explosivos no dia da tragédia em Brumadinho é confirmada pela Polícia Civil

• 26/06/2019 • Painel Alvorada

foto
Foto: Reprodução

Inquérito da Polícia Civil que investiga o rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, na Grande BH, confirma que houve detonação de explosivos próxima à mina Córrego do Feijão em 25 de janeiro, dia do desastre. Segundo a corporação, ainda precisa ser determinado o horário das explosões, já que os depoimentos sobre esse assunto foram divergentes. Na segunda-feira (24), dois funcionários da mineradora ouvidos na CPI da Assembleia confirmaram a atividade. Laudos apresentados pela Tüv Süd sobre a segurança da estrutura recomendavam que a mineradora não fizesse detonações no complexo. A Vale informou que explosões desse tipo são "comuns e inerentes" às atividades de mineração, e que foram realizadas após o rompimento. De acordo com a Defesa Civil, 270 pessoas morreram na tragédia, sendo que 24 delas continuam desaparecidas.

Tags: brumadinho , Vale , Barragens , Polícia Civil


COMPARTILHE ESTA MATÉRIA POR:

ESCRITO POR

Ana Clara Moreira

CONHEÇA A NOSSA PROGRAMAÇÃO

Ao longo de suas quatro décadas de história, a Alvorada FM busca o aperfeiçoamento contínuo para sempre garantir a qualidade e manter-se como sinônimo de modernidade e sofisticação.

VEJA TAMBÉM

03/12/2019

Enquete, Nova Versão

Mais uma vítima do desastre de Brumadinho é identificada

03/12/2019

Painel Alvorada

Operação na barragem da Vale é suspensa após estrutura entrar em alerta

03/12/2019

Painel Alvorada

Polícia Civil instaura novo inquérito para investigar denuncias contra o ginecologista Edilei Rosa

MAIS RECENTES

Ex-presidentes Lula e Dilma Roussef foram absolvidos no caso do quadrilhão do PT

Líderes do Mercosul se encontram hoje no Rio Grande do Sul

Deputada Joice Hasselmann aponta que família do presidente financia "gabinete do ódio" com dinheiro público

Corpo de mulher arrastada por enxurrada em Sete Lagoas é encontrado

VER MAIS NOTÍCIAS