• Min: 16 °C Max: 29 °C
  • Belo Horizonte, 24 de Janeiro de 2021 geoclima

Estudo mostra que liquefação foi a causa do rompimento da barragem da Vale em Brumadinho

• 12/12/2019 • Repórter Alvorada

foto

Causa do rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, na Grande BH, foi liquefação, confirma estudo técnico contratado por um escritório de advocacia que atende a mineradora. Esta é a primeira vez que a causa da tragédia é apresentada.

O relatório divulgado hoje mostra que a perda de resistência significativa e repentina fizeram que os rejeitos e outros materiais que estava na barragem apresentassem comportamento frágil. Ou seja, o material sólido passou a se comportar como fluido.

A barragem da Mina Córrego do Feijão, se rompeu no dia 25 de janeiro deixando 270 mortos. 13 pessoas ainda continuam desaparecidas.

Tags: brumadinho , Vale , Barragens


COMPARTILHE ESTA MATÉRIA POR:

ESCRITO POR

ALVORADA FM

CONHEÇA A NOSSA PROGRAMAÇÃO

Ao longo de suas quatro décadas de história, a Alvorada FM busca o aperfeiçoamento contínuo para sempre garantir a qualidade e manter-se como sinônimo de modernidade e sofisticação.

VEJA TAMBÉM

22/01/2021

Enquete, Nova Versão

Negociações sobre reparação em Brumadinho terminam sem acordo com a Vale

22/01/2021

Painel Alvorada

Texto definitivo para reparação de perdas em Brumadinho deve ser entregue na semana que vem

22/01/2021

Painel Alvorada

Moradores de Nova Lima e Raposos vão participar de testes das sirenes de barragens da Vale

MAIS RECENTES

Quase R$ 312 milhões em prêmios da loteria não foram resgatados em 2020

Mundo tem mais de 56 milhões de pessoas imunizadas contra a Covid-19

Câmara entrega pedido de impeachment de Donald Trump ao Senado na próxima segunda-feira

Revisão do Minas Consciente pode flexibilizar regras de funcionamento do comércio não essencial

VER MAIS NOTÍCIAS