• Min: 17 °C Max: 31 °C
  • Belo Horizonte, 25 de Fevereiro de 2021 geoclima

Justiça concede liberdade provisória à caminhoneiro

• 21/08/2019 • Painel Alvorada • Atualizado às 11:58

foto
Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros

Liberdade provisória ao caminhoneiro Ricardo Maciel, de 57 anos, foi concedida na manhã desta quarta-feira (21) pela justiça. Ele causou o acidente que matou a psicóloga Ivanilda Felisberto, na segunda-feira (19). 

O caminhoneiro prestou depoimento nesta manhã e, segundo a juíza Fabiana Cardoso, Ricardo é uma pessoa confiável, além de ser réu primário, ter residência fixa e exercer a profissão há mais de 30 anos.

A juíza também reforçou que, apesar do caso trazer consequências trágicas, não há indícios de que ele estivesse sob efeito de qualquer substância. Ricardo foi detido em flagrante por homicídio com dolo eventual, quando se assume o risco de matar. Ele transitava em local proibido e tentava transportar uma caçamba quando perdeu o controle do veículo. 

Tags: Crime , Polícia Civil , Trânsito , Acidente de Trânsito , Belo Horizonte MG


COMPARTILHE ESTA MATÉRIA POR:

ESCRITO POR

ALVORADA FM

CONHEÇA A NOSSA PROGRAMAÇÃO

Ao longo de suas quatro décadas de história, a Alvorada FM busca o aperfeiçoamento contínuo para sempre garantir a qualidade e manter-se como sinônimo de modernidade e sofisticação.

VEJA TAMBÉM

23/02/2021

Enquete, Nova Versão

Polícia Civil prende 10 pessoas em Operação contra o tráfico de drogas

23/02/2021

Repórter Alvorada

Contestação de multa de trânsito já pode ser feita pela internet

23/02/2021

Painel Alvorada

Senado aprova projeto que prevê aumento da pena para crimes de racismo e homofobia

MAIS RECENTES

Atlético é condenado a pagar R$ 3,1 milhões a Dudamel

Coronavírus já matou 17.974 pessoas em MG

Novo lote de vacinas contra Covid-19 desembarca em MG

Termina hoje prazo para efetivação de matrícula da segunda chamada do Prouni

VER MAIS NOTÍCIAS