• Min: 15 °C Max: 29 °C
  • Belo Horizonte, 10 de Agosto de 2022 geoclima

Não há fonte permanente de recursos para Auxílio Brasil, admite governo

• 23/11/2021 • Painel Alvorada

foto
Foto: Reprodução

Ainda não há uma fonte permanente de recursos para financiar o Auxílio Brasil, admitiu ontem (22) o secretário especial do Tesouro e Orçamento, Esteves Colnago. A declaração ocorre após o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra, afirmar nesta segunda-feira que a meta é tornar definitivo o valor médio de R$ 400 do benefício. Ele não explicou, porém, de onde virá o dinheiro. Até o momento, a previsão é que a quantia desejada pelo governo seja mantida até o fim de 2022, ano eleitoral. As verbas necessárias para o pagamento do Auxílio Brasil dependem da aprovação da PEC dos Precatórios, que tramita no Senado.

Tags: Governo Bolsonaro , Senado , Auxílio Brasil , PEC dos Precatórios


COMPARTILHE ESTA MATÉRIA POR:

ESCRITO POR

ALVORADA FM

CONHEÇA A NOSSA PROGRAMAÇÃO

Ao longo de suas quatro décadas de história, a Alvorada FM busca o aperfeiçoamento contínuo para sempre garantir a qualidade e manter-se como sinônimo de modernidade e sofisticação.

VEJA TAMBÉM

09/08/2022

Enquete, Nova Versão

Senado prevê votação do rol taxativo ainda em agosto

09/08/2022

Painel Alvorada

Projeto que acaba com "saidinha" de presos vai ao Senado

09/08/2022

Painel Alvorada

Senado aprova medida que altera o modelo de análise do INSS

MAIS RECENTES

Inflação oficial recua 0,68% em julho, aponta IBGE

Governo estuda substituir regra do teto dos gastos, revela Guedes

TCU condena Janot, Deltan e procurador por gastos na Lava Jato

Abertas inscrições para o Fies do segundo semestre

VER MAIS NOTÍCIAS