• Min: 18 °C Max: 30 °C
  • Belo Horizonte, 21 de Janeiro de 2022 geoclima

Não há fonte permanente de recursos para Auxílio Brasil, admite governo

• 23/11/2021 • Painel Alvorada

foto
Foto: Reprodução

Ainda não há uma fonte permanente de recursos para financiar o Auxílio Brasil, admitiu ontem (22) o secretário especial do Tesouro e Orçamento, Esteves Colnago. A declaração ocorre após o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra, afirmar nesta segunda-feira que a meta é tornar definitivo o valor médio de R$ 400 do benefício. Ele não explicou, porém, de onde virá o dinheiro. Até o momento, a previsão é que a quantia desejada pelo governo seja mantida até o fim de 2022, ano eleitoral. As verbas necessárias para o pagamento do Auxílio Brasil dependem da aprovação da PEC dos Precatórios, que tramita no Senado.

Tags: Governo Bolsonaro , Senado , Auxílio Brasil , PEC dos Precatórios


COMPARTILHE ESTA MATÉRIA POR:

ESCRITO POR

ALVORADA FM

CONHEÇA A NOSSA PROGRAMAÇÃO

Ao longo de suas quatro décadas de história, a Alvorada FM busca o aperfeiçoamento contínuo para sempre garantir a qualidade e manter-se como sinônimo de modernidade e sofisticação.

VEJA TAMBÉM

14/01/2022

Enquete, Nova Versão

Mais 3 milhões de família são incluídas no Auxílio Brasil

14/01/2022

Painel Alvorada

Bahia vai aceitar ajuda humanitária do exterior, afirma governador

14/01/2022

Painel Alvorada

Contrários ao Orçamento 2022, servidores da Receita pedem exoneração

MAIS RECENTES

Anvisa autoriza aplicação da CoronaVac em crianças e adolescentes de 6 a 17 anos

Estudo do Centro de Sismologia da USP aponta causas dos tremores de terra em Divinópolis

Desconto para consumidores que pouparam energia em 2021 soma R$ 2,4 bilhões

Governo de Minas repassa recurso extraordinário do Fundeb a servidores da educação

VER MAIS NOTÍCIAS