• Min: 16 °C Max: 27 °C
  • Belo Horizonte, 28 de Fevereiro de 2021 geoclima

Nova fase mira ex-executivos da Odebrecht ex-ministros do PT

• 21/08/2019 • Repórter Alvorada

foto
Foto: Marivaldo Oliveira/Estadão Conteúdo

Ex-executivo da Odebrecht Maurício Ferro foi preso na manhã desta quarta-feira (21) pela Polícia Federal, em mais uma fase da operação Lava Jato. O outro mandado de prisão foi expedido para o advogado Nilton Serson, que está nos Estados Unidos.

Também são cumpridas 10 ordens de busca e apreensão em São Paulo e na Bahia, sendo que Bernardo Gradin, ex-presidente da Braskem, é um dos alvos de buscas. Segundo a PF, delações de executivos da empreiteira apontaram "Italiano" como apelido do ex-ministro Antônio Palocci, e "Pós-Itália", do também ex-ministro Guido Mantega.

Maurício Ferro, teria pago R$ 78 milhões ao advogado Nilton por meio de 18 contratos fictícios. A polícia apura a informação de que Palocci e Mantega agiram de forma ilícita para favorecer os interesses da Braskem. Foi determinado o bloqueio de R$ 555 milhões dos investigados.

Tags: Polícia Federal , Corrupção , Lava Jato , Odebrecht , PT


COMPARTILHE ESTA MATÉRIA POR:

ESCRITO POR

ALVORADA FM

CONHEÇA A NOSSA PROGRAMAÇÃO

Ao longo de suas quatro décadas de história, a Alvorada FM busca o aperfeiçoamento contínuo para sempre garantir a qualidade e manter-se como sinônimo de modernidade e sofisticação.

VEJA TAMBÉM

19/02/2021

Enquete, Nova Versão

Fraudes no auxílio emergencial prejudicaram mais de 20 mil pessoas, de acordo com a PF

19/02/2021

Repórter Alvorada

Prefeitura de Betim disponibiliza guias do IPTU a partir desta quarta-feira

19/02/2021

Painel Alvorada

STF libera acesso do ex-presidente Lula aos áudios vazados da operação Lava Jato

MAIS RECENTES

Contagem promove "Dia D" de vacinação para idosos com mais de 90 anos

Jorge Sampaoli é oficializado no Olympique de Marselha (FRA)

Coronavírus já matou 18.276 pessoas em MG

PF conclui laudo sobre tragédia da Vale em Brumadinho

VER MAIS NOTÍCIAS