• Min: 17 °C Max: 30 °C
  • Belo Horizonte, 18 de Janeiro de 2021 geoclima

Novas medidas de segurança para barragens são exigidas pela MME

• 12/08/2019 • Repórter Alvorada • Atualizado às 08:55

foto
Foto: Alex Lanza/MPMG

Uma série de medidas regulatórias para melhorar a estabiliade das barragens de mineração no Brasil foi publicada nesta segunda-feira (12) no Diário Oficial da União. De acordo com o Ministério de Minas e Energia, a resolução, que começa a vigorar a partir de hoje, tem como foco principal as barragens construídas ou alteradas pelo método "a montante".

É o caso da barragem que se rompeu em Brumadinho, em janeiro deste ano, matando 270 pessoas. Segundo as novas regras, passa a ser proibido esse tipo de barragem, feita por meio de maciços de alteamento que se apoiam sobre o próprio rejeito ou sedimento. O prazo para mudança das barragens com o método "a montante" foi prorrogado, de setembro de 2021 passou para 2027.

 

 

Tags: Segurança , Barragens , Governo Federal , População Brasileira , Novas Medidas , Ministério de Minas e Energia


COMPARTILHE ESTA MATÉRIA POR:

ESCRITO POR

ALVORADA FM

CONHEÇA A NOSSA PROGRAMAÇÃO

Ao longo de suas quatro décadas de história, a Alvorada FM busca o aperfeiçoamento contínuo para sempre garantir a qualidade e manter-se como sinônimo de modernidade e sofisticação.

VEJA TAMBÉM

25/11/2020

Enquete, Nova Versão

Moradores de Nova Lima e Raposos vão participar de testes das sirenes de barragens da Vale

25/11/2020

Painel Alvorada

Justiça determina retomada das medidas de segurança em barragens da Vale

25/11/2020

Painel Alvorada

Buscas em Brumadinho são alteradas devido à identificação de trincas em barragem da Vale

MAIS RECENTES

Produção Agropecuária registra ganho de R$ 871 bilhões em 2020

Inflação para as famílias mais pobres registra alta de 6,22% em 2020

Sistema de saúde de Manaus entra em colapso e pacientes com Covid-19 recebem atendimento em outros estados

Brasil se aproxima da marca 208 mil mortos coronavírus

VER MAIS NOTÍCIAS