• 20ºC
  • Belo Horizonte, 21 de Novembro de 2019 geoclima

CLIQUE E COMPARTILHE

status

TINA TURNER

I don't wanna lose you

  • VAI TOCAR
  • -
  • -
play ouça agora

BIOGRAFIA DO ARTISTA

Número de roubos e furtos de celulares cai em Minas Gerais

• 26/08/2019 • Repórter Alvorada

foto

O Número de roubos de celulares caiu 28% em Minas Gerais de janeiro a julho deste ano, segundo dados da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerai (Sejusp). Foram pouco mais de 16.600 casos nos primeiros sete meses de 2019, e 23.100 ocorrências no mesmo período do ano passado. A quantidade de furtos também diminuiu: foram 560 crimes a menos neste ano, queda de 2% em relação a 2018.

Confira o levantamento completo:

 

Roubos de Celulares

Minas Gerais:

2018 (Jan a jul)- 23.108

2019 (jan a jul)- 16.604 (Queda de 28%)

Belo Horizonte:

2018 (Jan a jul)- 8575

2019 (jan a jul)- 5788 (Queda de 32%)

Região Metropolitana (sem BH)

 

Furtos de Celulares

Mina Gerais:

2018 (Jan a jul)- 28.354

2019 (jan a jul)- 27.794 (Queda de 2%)

Belo Horizonte:

2018 (Jan a jul)- 9.277

2019 (jan a jul)- 9.796 (Alta de 5%)

Região Metropolitana (sem BH)

2018 (Jan a jul)- 2.989

2019 (jan a jul)- 3.007 (Alta de 0,5%)

 

Tags: Minas Gerais , notícias , Repórter , Celular , Roubos


COMPARTILHE ESTA MATÉRIA POR:

ESCRITO POR

ALVORADA FM

CONHEÇA A NOSSA PROGRAMAÇÃO

Ao longo de suas quatro décadas de história, a Alvorada FM busca o aperfeiçoamento contínuo para sempre garantir a qualidade e manter-se como sinônimo de modernidade e sofisticação.

VEJA TAMBÉM

20/11/2019

Enquete, Nova Versão

Projeto que antecipa créditos do nióbio é aprovado em 1º turno

20/11/2019

Painel Alvorada

Polícia Federal cumpre 40 mandados de prisão por tráfico de cocaína para a Europa

20/11/2019

Painel Alvorada

Corpo é localizado no 300º dia de buscas em Brumadinho

MAIS RECENTES

Ministros do STF abrem julgamento sobre uso de dados

Mineirão anuncia criação de canal para denúncias de crime de racismo

CCJ da Câmara aprova PEC da prisão em segunda instância

O embaixador dos EUA na UE diz que seguia ordens de Trump sobre pressão na Ucrânia

VER MAIS NOTÍCIAS