• Min: 19 ºC Max: 30 ºC
  • Belo Horizonte, 07 de Abril de 2020 geoclima

CLIQUE E COMPARTILHE

status

TINA TURNER

I don't wanna lose you

  • VAI TOCAR
  • -
  • -
play ouça agora

BIOGRAFIA DO ARTISTA

Pesquisa aponta que 70% dos brasileiros reprovam indicação de Eduardo para embaixada

• 04/09/2019 • Painel Alvorada

foto
Foto: Adriano Machado/Reuters

Pesquisa Datafolha divulgada nesta quarta-feira (4) aponta que 70% dos brasileiros reprovam a indicação do deputado federal Eduardo Bolsonaro para o cargo de embaixador em Washington. Apenas 23% consideram que o presidente Jair Bolsonaro está agindo bem ao indicar o filho para a função.

Entre os eleitores de Bolsonaro em 2018, 53% avaliam que o presidente agiu mal ao indicar o filho, e 40% acham que agiu bem. Já entre quem votou em Fernando Haddad, do PT, 88% rejeitam a indicação e 9% a apoiam.

A pesquisa foi feita nos dias 29 e 30 de agosto e ouviu 2.878 pessoas em 175 cidades do Brasil. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

Tags: Jair Bolsonaro , Eduardo Bolsonaro , Datafolha , Pesquisas , Embaixada Americana


COMPARTILHE ESTA MATÉRIA POR:

ESCRITO POR

ALVORADA FM

CONHEÇA A NOSSA PROGRAMAÇÃO

Ao longo de suas quatro décadas de história, a Alvorada FM busca o aperfeiçoamento contínuo para sempre garantir a qualidade e manter-se como sinônimo de modernidade e sofisticação.

VEJA TAMBÉM

06/04/2020

Enquete, Nova Versão

Datafolha: 76% dos brasileiros dizem que isolamento agora é o mais importante no momento

06/04/2020

Painel Alvorada

Datafolha: 59% dos brasileiros são contra renúncia do presidente Jair Bolsonaro

06/04/2020

Painel Alvorada

Bolsonaro tem aprovação de 33% dos brasileiros na gestão da crise do coronavírus, segundo Datafolha

MAIS RECENTES

Sobe para 667 o número de mortos pela Covid-19 no Brasil; em Minas já são 11 óbitos

Kalil decide barrar ônibus intermunicipais de cidades que afrouxarem as medidas de isolamento

PBH cria plataforma para consulta sobre a distribuição de cestas básicas e kits de higiene

Auxílio emergencial deve ser pago a partir desta quinta, segundo Ministério da Cidadania

VER MAIS NOTÍCIAS