• Min: 13 °C Max: 30 °C
  • Belo Horizonte, 25 de Setembro de 2021 geoclima

Projeto que obriga agressor a reembolsar SUS em caso de violência doméstica é aprovado

• 21/08/2019 • Painel Alvorada

foto
Foto: Sidney Lins / Agência Liderança

Projeto de lei que obriga o agressor a reembolsar o SUS em caso de violência doméstica foi concluído nesta terça (20) pela Câmara dos Deputados. O texto, que há havia sido aprovado na Casa e enviado para o Senado, teve alterações que foram rejeitadas na terça.

Com a aprovação, o agressor que causar qualquer tipo de violência à mulher, será obrigado a reembolsar os valores dos serviços prestados no tratamento da vítima, além de arcar com os dispositivos de segurança usados no monitoramento de vítimas de violência doméstica que têm medidas protetivas. Todo o valor deverá ir para o fundo de saúde do Governo Federal. O projeto segue agora para sanção do presidente Jair Bolsonaro.

Tags: Câmara dos Deputados , Violência , Mulheres , Violência Doméstica


COMPARTILHE ESTA MATÉRIA POR:

ESCRITO POR

ALVORADA FM

CONHEÇA A NOSSA PROGRAMAÇÃO

Ao longo de suas quatro décadas de história, a Alvorada FM busca o aperfeiçoamento contínuo para sempre garantir a qualidade e manter-se como sinônimo de modernidade e sofisticação.

VEJA TAMBÉM

24/09/2021

Enquete, Nova Versão

Texto da reforma administrativa avança na Câmara dos Deputados

24/09/2021

Painel Alvorada

Brasil é o 4º país que mais matou ambientalistas em 2020, aponta Global Witness

24/09/2021

Painel Alvorada

Texto-base do novo Código Eleitoral é aprovado na Câmara

MAIS RECENTES

Segundo Secretario, passaporte da vacina não será exigido pela Prefeitura de Belo Horizonte

Metrô de BH funcionará com horário especial no próximo domingo

Anatel aprova versão final do edital do 5G nesta sexta-feira

Tite convoca Seleção Brasileira para os jogos das Eliminatórias em outubro

VER MAIS NOTÍCIAS