• 21ºC
  • Belo Horizonte, 24 de Agosto de 2019 geoclima

CLIQUE E COMPARTILHE

status

TINA TURNER

I don't wanna lose you

  • VAI TOCAR
  • -
  • -
play ouça agora

BIOGRAFIA DO ARTISTA

Retomada de atividades na maior mina da Vale em Minas é autorizada pela justiça

• 17/04/2019 • Notícias

foto
Foto: Google Maps

Autorização para retomada das atividades na mina de Brucutu, em São Gonçalo do Rio Abaixo, foi concedida ontem (16) pela Justiça. A mina, que pertence à Vale, é a maior do estado, e abriga a barragem de Laranjeiras, que teve a operação suspensa no último dia 22, a pedido do Ministério Público de Minas, devido à identificação de "severo risco" de rompimento da estrutura.

Já na BR-356, que liga Belo Horizonte a Ouro Preto, Mariana e outras cidades da região Central do estado, o tráfego será liberado hoje (17), às 20h. Desde fevereiro, o trecho entre os quilômetros 37 e 40, na altura de Itabirito, está no sistema de siga e pare, devido ao risco de rompimento de outra barragem da Vale, a de Vargem Grande. De acordo com a Defesa Civil, a liberação foi autorizada pela Justiça, depois que a mineradora apresentou um documento garantindo que a rodovia não seria afetada em caso de colapso da estrutura.

Tags: Vale , Barragens


COMPARTILHE ESTA MATÉRIA POR:

ESCRITO POR

ALVORADA FM

CONHEÇA A NOSSA PROGRAMAÇÃO

Ao longo de suas quatro décadas de história, a Alvorada FM busca o aperfeiçoamento contínuo para sempre garantir a qualidade e manter-se como sinônimo de modernidade e sofisticação.

VEJA TAMBÉM

22/08/2019

Enquete, Nova Versão

UFMG será perita nas ações do rompimento em Brumadinho

22/08/2019

Painel Alvorada

Pedido de indiciamento da Vale é aprovado na CPI das barragens

22/08/2019

Painel Alvorada

Comissão amplia investigações contra executivos da Vale

MAIS RECENTES

Situação da Amazônia e críticas de Macron geram pedidos de impeachment de Salles

Criação de nova CPMF será discutida entre Bolsonaro e Guedes

Quatro casos de sarampo são confirmados em Minas e outros 55 são investigados

Mais de 200 escolas podem ser atingidas pela fusão de turmas em Minas

VER MAIS NOTÍCIAS